Logo

Call me on Skype Subscribe on YouTube
ESTUDOS E ANÁLISES

ESTUDOS E ANÁLISES (13)

Indústria 4.0 no setor lácteo - Não há dúvidas de que o agronegócio é a locomotiva da economia brasileira. E o setor lácteo, um dos principais vagões desta locomotiva, está passando por desafios internos há anos, sobretudo, em razão dos custos de produção e logística, afetados pela ausência de políticas públicas estruturantes e efetivas.

Leite e saúde – O consumidor, atualmente, está cada vez mais preocupado com sua alimentação. Desde a origem, a forma de produção, a relação com o meio ambiente, mas, principalmente, sobre os efeitos dos alimentos sobre a saúde e o bem-estar.

Business RoundtableAbrigando a nata do capitalismo estadunidense, agora quer mudar a forma de fazer negócios no país. A organização Business Roundtable reúne os presidentes executivos de 181 das maiores corporações dos Estados Unidos, desde a Amazon até a Xerox, passando pelas maiores empresas varejistas (Walmart), de tecnologia (Apple), de energia (Exxon Mobil), de telecomunicações (AT&T), automobilísticas (Ford), finanças (JP Morgan Chase), entre muitas outras.

Incertezas/FAO – A produção mundial poderá ser afetada por eventos climáticos imprevistos que repercutirão sobre a produção de leite a pasto, sistema atualmente bastante difundido no mundo. Com efeito, as mudanças climáticas aumentam o risco de seca, de inundação e doenças que podem afetar o setor pecuário de formas diferentes (volatilidade dos preços, rendimento das vacas de leite e ajuste de rebanho). 

Comércio/FAO – Cerca de 8% da produção mundial de leite é negociada no mercado internacional. Esse baixo percentual é explicado antes de tudo, pela natureza perecível do leite e elevado teor de água (mais de 85%). Apesar disso, nos últimos anos, a China aumentou consideravelmente suas importações de leite procedentes da União Europeia (UE) e da Nova Zelândia.

Terça, 25 Junho 2019 05:10

Bangdadesh - Os frutos da perseverança

©FAO/Mohammad Rakibul HasanLeite/Bangladesh – Investimento em mulheres empresárias melhoram as condições de vida em Bangladesh. Renu Bala é uma das milhares de camponesas de Bangladesh que se beneficaram com os programas de investimento agrícola apoiados pela FAO, com recursos do Programa Mundial de Agricultura e Segurança Alimentar (GAFSP, sua sigla em inglês). ©FAO/Mohammad Rakibul Hasan.

Quarta, 27 Junho 2018 18:56

Food & Drink 2018

Brand Finance revela as cinco principais marcas de laticínios

A Nestlé e a Coca-Cola reinaram supremas entre as marcas de alimentos e bebidas, respectivamente, ambas ficando US$ 10 bilhões acima das segundas colocadas. A Nestlé foi avaliada em US$ 19,4 bilhões, e fica no topo das marcas de alimentos mais valiosas do mundo, sendo mais que o dobro do valor da segunda colocada a Danone (US$ 9,1 bilhões).

Sexta, 20 Outubro 2017 10:48

A Água na Califórnia

ÁGUA E AGRICULTURA:

A Califórnia é uma potência agrícola.  É o Estado com maior número de fazenda do país e líder mundial no mercado, com vendas de US $ 47 bilhões em 2015. Os verões secos da Califórnia tornam a irrigação essencial. Para irrigar cerca de 9 milhões de hectares de culturas, os agricultores usam cerca de 40% da água disponível da Califórnia, em comparação com os 10% utilizados nas cidades.

Cadeia de Valor – O conceito de “valor por litro equivalente”(VLE) pretende quantificar o que corresponde ao “litro de leite cru” nas diferentes etapas de conversão de um bem final de consumo. A partir da ideia de que o preço que paga um comprador expressa – de algum modo- o “valor” reconhecido do bem que adquire; o conceito de “valor por litro equivalente” (VLE) pretende apresentar o que corresponde ao “llitro de leite cru” nas diferente etapas que o convertem em um bem final de consumo.

EUROPA – Os europeus começaram a ingerir leite na idade adulta há 4.000 anos

25/11/2015 – Agrodigital

Iain Mathieson et al. Genome-wide patterns of selection in 230 ancient Eurasians. Nature.

Tradução Livre: Terra Viva

Há 4.000 anos os europeus adquiriram a capacidade de digerir leite depois da infância, em decorrência do surgimento no continente de um gene relacionado à persistência da enzima lactase. Esta é a principal conclusão de uma pesquisa realizada por uma equipe internacional com participação de cientistas do Conselho Superior de Pesquisas Científicas (CSIC, sigla em espanhol) que descobriu os genes mais frequentes nos europeus nos últimos 8.000 anos.

Terça, 17 Março 2015 16:51

O Brasil e o Desemprego de Massa

O Brasil e o Desemprego de Massa

RUBENS RICUPERO

Folha de São Paulo - 31/08/2003



Em meio a tudo o que de pior se abateu sobre nós nos últimos tempos, o mas grave foi o Brasil ter-se deixado arrastar para o círculo do inferno do desemprego de massa. Prisão sinistra da qual não é fácil escapar, em sua porta poderia escrever-se o que Dante afixou na do verdadeiro Inferno: "Lasciate ogne speranza, voi ch" intrate".

Pecuária Leiteira: Oportunidades e Desafios para o Brasil depois de Doha

Uma perspectiva do setor leiteiro australiano sobre os benefícios permanentes da reforma controlada

A Australian Dairy Corporation acha que a remoção total, mas em etapas, de todas as barreiras ao comércio internacional de produtos lácteos é a única abordagem comercialmente viável a longo prazo para nutrir e sustentar um setor leiteiro competitivo no âmbito de um setor alimentar cada vez mais integrado e globalizado.

Esta abordagem de política, contudo, não tem sido sempre o ponto de vista prevalecente do setor de lácteos. Como resultado da adesão do Reino Unido à Comunidade Econômica Européia em 1973, a Austrália perdeu seu principal mercado de exportação “de um dia para outro”.

Posteriormente, a pecuária australiana entrou em uma queda livre devido a uma situação difícil de crédito em meados dos anos 70 e grandes secas, mesmo pelos padrões australianos, nos anos 70 e princípios dos anos 80. A opinião prevalecente durante este período desanimador era de um setor de lácteos tendo apenas potencial para competir com a importação. A liberalização de comércio bilateral com a Nova Zelândia, a mudança da abordagem de política e o crescimento rápido na demanda de importações dos mercados do Este e Sudeste Asiático foram os catalisadores para a recuperação da prosperidade do setor leiteiro australiano.

Terça, 17 Março 2015 16:34

VII PANAMERICAN MILK CONGRESS

VII PANAMERICAN MILK CONGRESS

From 14th to 18th of March 2000

THE ECONOMIC BLOCKS AND THEIR INFLUENCE IN THE COMMERCIALIZATION OF MILK AND MILK PRODUCTS

 

 

the successful European Union and the difficulties faced by the Mercosur

Almir José Meireles

President of the Brazilian Long Life Milk Association

International trade already existed before the establishment of economic blocks and it will remain, even if these blocks disappear in the future. The ideal situation would be having no restrictions in the trade between two countries, no matter their location on the globe. However, today, the economic blocks are a reality and the matter is: what sort of influence they exert on the commercialization of milk and dairy products? In this presentation we are going to establish a parallel between the European Union, the best succeeded economic block to these days, and the Mercosur, a block that has been going through a lot of trouble to make itself a reality. Finally, we are going to evaluate the feasibility of other Latin-American countries joining the Mercosur.

"plano de saúde"