Logo

Segunda, 16 Setembro 2019 15:39

Exportação de milho em patamar recorde

Escrito por 

Exportação de Milho - A combinação de três ingredientes ajuda a explicar por que as exportações de milho do Brasil vêm atingindo patamares históricos neste ano. Dados divulgados ontem pelo Ministério da Agricultura mostram que, em agosto, o volume embarcado chegou a 7,6 milhões de toneladas, batendo o recorde anterior para o mês, que era de 5,3 milhões de toneladas e havia sido alcançado em 2017.

Para 2019, a perspectiva é de que também se possa chegar a desempenho inédito, na casa de 36 milhões de toneladas negociadas. Esse resultado reflete a conjuntura desenhada ao longo deste ano. A começar pela produção expressiva da safrinha, como é chamada a segunda safra de milho do Brasil, cultivada no Centro-Oeste e no Paraná. Foram 74,5 milhões de toneladas, bem acima das 48,65 milhões de toneladas do ano passado.

– A exportação de milho é a principal saída para o mercado brasileiro. Escoar para o mercado externo é muito necessário, em razão da safrinha – observa Fernando Henrique Iglesias, consultor da Safras & Mercado.

Outro fator que favoreceu os embarques do grão foi a depreciação do real frente ao dólar. Somou-se a isso a quebra da safra de milho dos Estados Unidos, que melhorou os valores na Bolsa de Chicago.

– Precisamos lembrar que o Brasil é um país exportador de milho. Produzimos mais do que consumimos. É natural e necessário exportar, olhando de forma macro – acrescenta Índio Brasil dos Santos, sócio-diretor da Solo Corretora.

E para o Rio Grande do Sul, qual o impacto desse cenário? Lembrando que, diferentemente do país, o Estado não é autossuficiente na produção do grão e não tem a segunda safra.

– O produtor gaúcho aproveitou o momento e negociou a safra futura. Porque mercado é mercado. Quando é mais viável vender na exportação, ele vende – completa Santos.

Especialistas ponderam, no entanto, que nas últimas semanas o ritmo dos negócios de milho diminuiu.

Informações adicionais

  • NUMERO SELECTUS: 5738
  • Fonte da Notícia: Zero Hora
  • Data: Segunda, 16 Setembro 2019
Lido 36 vezes
"plano de saúde"