Logo

Quarta, 10 Julho 2019 11:50

Em 5 anos, o preço ao produtor caiu 17,3%, enquanto o preço ao consumidor subiu 1,6%

Escrito por 

Preços/Espanha – O Sindicato espanhol Unión de Uniones comparou dados do Fundo Espanhol de Garantia Agrária (FEGA) em seu mais recente boletim sobre a captação de leite de vaca, correspondente ao mês de maio passado, com outras fontes de dados do setor, como o Observatório Europeu do Mercado de Lácteos da Comissão Europeia.

Analisou os dados setoriais com o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) e o Índice de Preços da Indústria, para concluir que  de 2014 até hoje, os pecuaristas viram o preço do leite cair 17,3%, segundo dados oficiais; enquanto isso, o preço pago pelos consumidores de leite e produtos lácteos aumentou 1,6%, segundo a Unión de Uniones.

Segundo o FEGA, o volume de captação de leite de vaca nos cinco primeiros meses de 2019 alcançou 3.056 milhões de toneladas, o que representa apenas 0,19% a mais que o volume captado no mesmo período de 2018. Essa quantidade é apenas 8% maior que a produção de 2014 nos mesmos meses.

O preço médio do leite de vaca em maio foi de € 0,325/litro, [R$ 1,38/litro], ou seja, caiu 0,31% em relação a abril, ainda que continue 2,85% acima do preço de maio de 2018. No entanto, é 11% menor do que o preço pago em maio de 2014, antes da crise do setor.

Segundo o Observatório Europeu do Mercado de Lácteos, que já apresenta preços do mês de junho, o preço médio na Espanha, atualmente, está 6,7% abaixo da média europeia. Desde setembro do ano passado, quando a diferença chegou a 12%, o percentual vem sendo reduzido.

A combinação de volumes de leite captado e o preço médio, resultaria em uma renda de € 769,3 milhões de euros para a produção de leite de vaca nos primeiros cinco meses do ano; 1,1% a mais que a renda gerada entre janeiro e maio de 2018.

A Unión de Uniones destaca que avaliando os custos médios de produção em € 0,37/litro, poderíamos estar falando em perdas acumuladas de € 126,7 milhões nesses cinco meses do ano, sem levar em conta rendas adicionais (subsídios, descarte de vacas, etc).

O número de fazendas que entragaram leite em maio de 2019 foi de 13.288, o que representa 910 a menos do que em maio de 2018.

Informações adicionais

  • NUMERO SELECTUS: 5690
  • Fonte da Notícia: Agrodigital – Tradução livre: Terra Viva
  • Data: Quarta, 10 Julho 2019
Lido 80 vezes
"plano de saúde"