Logo

Sexta, 13 Dezembro 2019 10:50

Uruguai – Falta de chuva cobra seu preço e captação da Conaprole cai 5%

Escrito por 

Seca/UR – A falta de água no solo voltou a ser foco de preocupação para os produtores de leite do Uruguai, depois de um período relativamente prolongado de meses sem este problema.

As maiores dificuldades estão nas bacias leiteiras dos departamentos de San José, Florida, Colonia e Flores, onde foram registradas quedas de até dois dígitos nos níveis de produção de diversas fazendas. A Conaprole perdeu 5% de sua captação nos primeiros 10 dias de dezembro em relação ao mesmo período do ano passado. Os volumes diários estão pouco acima de 4 milhões de litros diários, praticamente 1 milhão a menos em relação ao pico anual que ocorreu apenas um mês atrás.

 

Na bacia do litoral norte (Paysandú e Salto) a situação não é tão grave ainda, disse o presidente da Associação dos Produtores de Leite de Paysandú, Gerardo de Souza. Mesmo assim alguns produtores deixaram de semear o sorgo porque está “muito seco”, no momento, e os níveis de captação registraram uma queda moderada, típico para a época do ano, explicou. De qualquer foram, existe preocupação, pois efeitos podem ser mais severos se não ocorrerem chuvas importantes nesta semana.

 

Informações adicionais

  • NUMERO SELECTUS: 5801
  • Fonte da Notícia: Tardaguila – Tradução livre: Terra Viva
  • Data: Sexta, 13 Dezembro 2019
Lido 57 vezes