2201piracanjubag

Sexta, 08 Fevereiro 2019 16:20

USDA: Boletim de fevereiro pode reduzir safras de soja do Brasil, Argentina e EUA

Escrito por 

USDA - O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) traz nesta sexta-feira (8), enfim, seu novo boletim mensal de oferta e demanda, depois de mais de uma paralisação de mais de 30 dias do governo norte-americano que impediu o reporte dos números em janeiro.

As expectativas para as informações são grandes, principalmente, pela falta de novidades relacionadas à guerra comercial entre China e Estados Unidos, e por serem os últimos números para a safra 2018/19 dos EUA, como explica o analista de mercado Todd Hultman, do portal internacional DTN The Progressive Farmer.

Produção dos EUA

As projeções do mercado são de que o USDA reduza suas projeções para a produção norte-americana tanto de soja, quanto de milho, após os problemas que alguns estados tiveram por lá na reta final dos trabalhos de campo com o excesso de chuvas e a neve.

Assim, para a safra de soja se espera uma média de 124,05 milhões de toneladas, contra 125,19 milhões estimadas em dezembro. O intervalo é de 122,2 a 124,97 milhões de toneladas.

No caso do milho, o total colhido foi estimado em 368,55 milhões de toneladas, enquanto em dezembro o último número foi de 371.52 milhões de toneladas.

Estoques finais EUA

No caso dos estoques finais de milho também é esperada uma redução dada a boa demanda pelo cereal norte-americano, além da também esperada baixa na produção dos EUA. As estimativas variam de 39,37 a 47,2 milhões de toneladas, com média de 43,54 milhões. No último boletim, os estoques vieram projetados 45,24 milhões de toneladas.

Para a soja também se espera uma redução, mas mais tímida, uma vez que a demanda chinesa pela soja dos EUA ainda se mantém travada e sendo retomada a passos muito lentos. Assim, o mercado espera por estoques finais dos EUA em 25,04 milhões de toneladas, na média estimada, contra 25,99 milhões do boletim anterior.

Estoques finais mundo

Os estoques finais mundiais de soja deverão, por outro lado, serem reduzidos em relação a dezembro, podendo ficar na casa de 113,9 milhões de toneladas, contra 115,3 milhões do boletim anterior.

Sobre o milho, a expectativa média é de 307,5 milhões de toneladas, contra as 308,8 milhões do reporte de dezembro.   

Produção mundo

As expectativas para a produção de soja do Brasil variam entre 112,2 e 119 milhões de toneladas, com média de 116,3 milhões de toneladas. Para a Argentina, projeções entre 52 e 56 milhões de toneladas, com média de 55 milhões.

A produção de milho do Brasil deverá ficar entre 91,5 e 95,5 milhões de toneladas, com média de 93,3 milhões, e a da Argentina entre 41 e 45 milhões e média de 43.

Informações adicionais

  • NUMERO SELECTUS: 5587
  • Fonte da Notícia: Notícias Agrícolas
  • Data: Sexta, 08 Fevereiro 2019
Lido 25 vezes
"plano de saúde"