Segunda, 12 Março 2018 17:30

Fonterra perde mercado, justo quando o tempo reduz a produção de leite na Nova Zelândia

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Fonterra – A Fonterra vem perdendo espaço no mercado de laticínios da Nova Zelândia diante de uma série de contratempos que atingem o maior exportador de lácteos do mundo – embora sua pequena unidade da Austrália venha aumentando o Market Share.

A Fonterra divulgou que houve queda de 5% na produção de leite da Nova Zelândia, no mês janeiro, quando comparada com o mesmo mês de 2017, em decorrência da seca que atingiu muitas bacias leiteiras do país. “Ainda que as chuvas do final de dezembro e início de janeiro ajudassem algumas regiões, outras, sofreram severos impactos no crescimento das pastagens por falta de umidade no solo”, disse a cooperativa, que é de propriedade de 10.500 produtores de leite. “O impacto sobre a captação de leite se espalhou por toda a Nova Zelândia.

Captação muito baixa

No entanto, a captação da Fonterra em janeiro caiu mais ainda, 8%, totalizando 158 milhões de quilos de sólidos, sinalizando perda de participação no mercado. A queda foi “principalmente em decorrência das difíceis condições de tempo que impactaram na umidade do solo e a qualidade das pastagens”, disse a cooperativa, destacando o declínio particularmente grande, de 11%, ocorrido na captação de leite na Ilha Norte. “Enfrentando um período seco e quente até dezembro e início de janeiro, a captação de leite na Ilha Norte foi muito baixa em janeiro. Ainda que tenha se recuperado no final do mês em decorrência das chuvas, o volume não foi suficiente para superar o nível da temporada passada”.

Turbulências na China

Os dados – que dão suporte aos preços mundiais de produtos lácteos, pelo fato da Nova Zelândia ser o maior exportador mundial – se transformam em um desafio para a Fonterra, que atravessa um período delicado diante do fraco desempenho da Beingmate, a chinesa de fórmulas infantis da qual tem a participação de 70%, comprada três anos atrás.

A Beingmate, no último mês divulgou perdas pelo segundo ano consecutivo, o que deixou a Fonterra “extremamente desapontada”. Além de 964 milhões renminbi de perdas, a participação da empresa no mercado chinês caiu de 9% em 2013, para 2,5% em 2017.

A Fonterra – no que chamou de “troca de jogos” em 2015 o acordo com a Beingmate, pelo qual pagou US$ 553 milhões por uma participação minoritária – viu um outro investimento chinês ir mal, quando a companhia Sanlu, da qual possuía 43% das ações adquiridas em 2008, ficou no centro do famoso escândalo de contaminação do leite por melamina.

Confusões

A Fonterra também gerou controvérsia quando ganhou liminar contra Leonie Guiney, uma ex-diretora da cooperativa, por suposta violação do contrato de confidencialidade. As informações fornecidas pela ex-diretoria também foram proibidas de serem divulgadas pelos meios de comunicação.  

Movimentos dos preços

A revisão de preços englobará os contratos negociados para abril, maio e junho, que proporcionaram ganhos de 5,5%, levando a cotação do leite em pó desnatado (SMP) para US$ 2.051/tonelada, no GlobalDairyTrade. Os preços do SMP UHT de abril, com vendas realizadas apenas pela Fonterra, subiram 45%, enquanto o valor de maio atingiu US$ 3.220 a tonelada – obtendo um prêmio extra de 69%, em relação à alternativa medium heat.

Em contrapartida, a União Europeia (UE), na quinta-feira passada informou que o preço do SMP chegou aos 136€/100 kg, [US$ 1.673/tonelada], levando a cotação aos menores níveis desde 2001.

Avanços na Austrália

A Fonterra também relatou aumento de 32% na captação de leite na Austrália, em janeiro, “impulsionado pelo aumento de participação no mercado e condições favoráveis de tempo nas regiões produtoras”. No global, a captação de leite na Austrália, onde a Murray Goulburn viu inúmeros de seus fornecedores seguirem para outros concorrentes, aumentou 4% na comparação anual.  

Informações adicionais

  • NUMERO SELECTUS: 5363
  • Fonte da Notícia: Agrimoney – Adaptação: Terra Viva
  • Data: Segunda, 12 Março 2018
Lido 1099 vezes Última modificação em Segunda, 12 Março 2018 17:53