• Logo Scala - Cpia.gif
  • tirolezlogo0311.jpg
  • Zero-Lactose.png
  • Logo Ablv.gif
  • Logo bebamaisleite.png
  • cIsis.png
  • Pirakids_school.png
  • catlogo.gif
  • baldebranco.jpg
  • Abiq New.jpg
  • logoserramar.jpg
  • 1609g100.gif
Quarta, 06 Dezembro 2017 13:26

UE – Exportações de lácteos em crescimento

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Exportações/UE – Enquanto as exportações de lácteos da Nova Zelândia e da Austrália declinam, a União Europeia (UE) mostra forte crescimento de vendas, revela a atualização dos dados da Fonterra, Global Dairy, em novembro.

Não obstante as importações da China terem crescido 12% nos primeiros nove meses do ano, em relação ao mesmo período do ano passado, e aumentado 34% (53.000 toneladas) as compras em volume, as exportações de lácteos totais da Nova Zelândia em setembro, caíram 7% (14.000 toneladas) em relação ao mesmo mês do ano passado.

Nos últimos 12 meses, encerrados em setembro, houve queda de 2%. “O leite em pó integral (WMP) e o leite em pó desnatado (SMP) tiveram grandes declínios, de 11% e 26%, respectivamente”, mostram os dados atualizados. “O crescimento de produtos lácteos frescos foi mantido, e em setembro o incremento foi de 39%, ou 9.000 toneladas”. A queda nos volumes de SMP, AMF (manteiga anidra) e Manteiga – 11%, 14%, e 10%, respectivamente – contribuíram para o declínio de 2% nas exportações totais do ano até setembro. As exportações de lácteos da Fonterra Austrália caíram 3%, tanto em setembro, como no acumulado do ano, até setembro de 2017.

Enquanto isso, os últimos números mostram que as exportações da UE cresceram 5% nos últimos 12 meses encerrados em julho de 2017 e 10% (40.000 toneladas) em julho, em relação ao mesmo mês do ano passado. As exportações de SMP aumentaram significativamente, 70% (30.000 toneladas). Lácteos fluidos e frescos, e fórmulas infantis também tiveram sólidos crescimentos, totalizando 9%. Isso foi parcialmente compensado pela queda de 16% nas remessas de soro de leite, em julho. As exportações nos últimos 12 meses encerradas em julho subiram 5% (227.000 toneladas) em relação ao mesmo período anterior. As exportações de SMP, fórmulas infantis, queijos e lactose, combinadas, representaram 265.000 toneladas, ou 13% a mais, enquanto que manteiga e a AMF, caíram 56.000 toneladas.

As exportações dos Estados Unidos foram 11% superiores nos últimos 12 meses encerrados em setembro de 2017, mas caíram 6% (11.000 toneladas) em setembro, em relação ao mesmo mês do ano anterior.

Este é o segundo mês consecutivo em que as exportações dos Estados Unidos declinam.

Os aumentos das importações da líder China ocorreram em WMP, fórmulas infantis, e SMP, totalizando 33.000 toneladas, em setembro, e representando crescimento de 96%. “As importações da China continuam muito fortes, em quase todas as categorias este ano: WMP, fórmulas infantis e SMP cresceram mais, 22%, e combinadas totalizaram 179.000 toneladas”, diz a atualização do Global Dairy.

Informações adicionais

  • NUMERO SELECTUS: 5304
  • Fonte da Notícia: World News – Tradução livre: Terra Viva
  • Data: Quarta, 06 Dezembro 2017
Lido 85 vezes Última modificação em Quarta, 06 Dezembro 2017 13:49
Call me on Skype Subscribe on YouTube

Receba Notícias no Whatsapp